GRATUITO
9ª Mostra Curta Audiovisual de Campinas começa na próxima quinta-feira
Serão exibidos mais de 69 curtas divididos em sessões de aproximadamente 60 minutos de duração
18/10/2015 - 06h37 | - Atualizado em 16/10/2015 - 15h38
Nesta quinta-feira, 22 de outubro, começa a 9ª Mostra Curta Audiovisual de Campinas, que ocorre até dia 31 de outubro e terá todas as atividades gratuitas ao público (consultar programação abaixo). O projeto é apoiado pelo Fundo de Investimentos Culturais de Campinas (FICC) e pelo Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (ProAC).
Serão exibidos mais de 69 curtas divididos em sessões de aproximadamente 60 minutos de duração (reunindo vários filmes em cada sessão), em diversos locais de Campinas. Além disso, a programação traz também oficinas, bate-papo, masterclasses, apresentações de música, dança e outras expressões artísticas.
Os filmes selecionados apresentam uma grande variedade de linguagens, abrangendo documentários, ficções, videoclipes, experimentais e animações, incluindo desde os principais curtas do país, até curtas realizados de forma completamente independente e filmes produzidos por estudantes universitários. O recorde de inscrições de filmes produzidos em Campinas, se refletiu também em um número recorde de filmes locais selecionados para a Mostra. Por isso, a curadoria teve o cuidado de incluir pelo menos um filme regional em cada sessão, para que o público conheça o trabalho que vem sendo realizado pelos produtores locais.
As oficinas são mini-cursos práticos em que os participantes realizam trabalhos coletivos, cujo resultado será exibido na sessão de encerramento. Tais atividades buscam cobrir áreas diversas do campo da produção audiovisual, ao mesmo tempo em que são uma forma de aproximar o público da técnica, desmistificando os processos de realização e preparando simultaneamente para o mercado profissional. Serão ministradas as oficinas: animação com Sombra Chinesa, trilha sonora experimental ao vivo, vídeos de bolso, produção de filmes e stop motion.
No bate papo, "Produção Audiovisual Contemporânea", os convidados farão uma breve retrospectiva da produção audiovisual contemporânea no Brasil, colocando as diversas mudanças que o meio passou, o impacto da internet e da evolução da tecnologia neste meio, e as perspectivas do futuro para a criação e a produção.
No intuito de promover e ampliar o intercâmbio cultural, atividades com outras linguagens artísticas farão parte da programação, buscando incrementar as experiências e vivências do entretenimento ao ar livre. O Núcleo Feverestival - Festival Internacional de Teatro de Campinas faz a curadoria do Curta a Cena - espetáculos curtos para abrir três sessões nas praças públicas. E a Canja Instrumental Jazz, projeto musical que acontece nos espaços públicos da cidade, abre as duas sessões a serem realizadas no Centro de Convivência.
E pela primeira vez na cidade de Campinas, a Mostra convida as produtoras de audiovisual da cidade para trocar experiências buscando o fortalecimento da produção audiovisual na cidade a partir da aproximação de seus agentes no 1º Encontro de Produtores de Audiovisual de Campinas. Potencializando o encontro e ampliando as discussões, será realizada no mesmo dia a masterclass "Produção executiva e gestão de projetos audiovisuais", com Joana Nin, oferecida pela Academia Internacional de Cinema. A AIC oferecerá ainda mais uma masterclass: "Direção de arte e construção de realidades", com Monica Palazzo.
Sobre a Mostra Curta Audiovisual de Campinas
Realizada em Campinas desde 2006 por produtores culturais independentes da cidade, a Mostra Curta Audiovisual de Campinas chega à 9ª edição em 2015. Pela primeira vez conta com apoios do Fundo de Investimento a Cultura de Campinas (FICC) e do Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (ProAC).
Toda a programação é gratuita e voltada à exibição de conteúdo, divulgação e formação de público para filmes no formato curta-metragem. Durante dez dias (de 22 a 31 de outubro), estão previstas exibições de filmes em praças públicas e espaços culturais de Campinas, com sessões especiais, como a infantil “Mostrinha”, as sessões com recursos de acessibilidade (áudio-descrição) e também aquelas com convidados especiais. Cada sessão é batizada com o nome de algum antigo cinema de rua de Campinas e, com exceção de algumas sessões especiais, elas são montadas prezando pela multiplicidade de gêneros, linguagens e durações.
Não há nenhuma restrição de gênero ou temática, oferecendo ao público da cidade um panorama diversificado da produção audiovisual recente de todo o território nacional e também da América do Sul, já que nesta edição haverá uma sessão especial com filmes convidados do Mercosul.
Além das exibições de filmes, a Mostra promove palestras, debates e oficinas que buscam a capacitação dos participantes, aproximando o público das técnicas de produção, desmistificando os processos de realização e oferecendo preparação para o mercado profissional.
Para Mariana Maurer, diretora geral do evento, o principal objetivo dessa edição da Mostra é expandir os locais das exibições e das oficinas de capacitação. “Nós pretendemos descentralizar o evento, ou seja, levá-lo também para bairros mais periféricos da cidade, atingindo e formando novos públicos”, afirma. “A Mostra efetiva o contato da população com a cinematografia nacional e estimula a produção local. Dentro da grade temos espaços exclusivos para conteúdos regionais, o que intensifica nosso objetivo de fomento e promove um intercâmbio entre profissionais de todo país”, complementa a diretora.
Além disso, nesta edição haverá mais uma parceria com a Academia Internacional de Cinema, que realizará duas masterclasses durante a Mostra. A diretora ainda destaca o vínculo com importantes parceiros, instituições referência em produção cultural que potencializam o objetivo de fomento à produção regional, tais como o SESC Campinas, a Lokomotiv Studio, o Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, a Galeria Sede, o Ideia Coletiva, entre outros.
SERVIÇO 
9ª Mostra Curta Audiovisual de Campinas
Exibição: de 22 a 31 de outubro
Entrada gratuita
Classificação Livre (exceto a Sessão Windsor – 25/10)