ORDEM DA JUSTIÇA
Ibope é obrigado a abrir 'caixa-preta' da audiência para SBT
Após 14 anos, emissora finamente conseguiu ganhar a causa na Justiça
31/03/2015 - 09h27 | - Atualizado em 31/03/2015 - 09h28 Portal RAC
faleconoscorac@rac.com.br


Após 14 anos brigando na Justiça, a emissora SBT venceu uma disputa judicial contra o Ibope. Agora, a Terceira Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) determinou que a empresa - que mede a audiência televisiva - abra sua “caixa preta” para a emissora.

Foto: Divulgação.
O apresentador e dono da emissora SBT, Silvio Santos
O apresentador e dono da emissora SBT, Silvio Santos
A Justiça recusou o recurso da organização e manteve, em decisão final, a sentença que obriga o instituto a revelar dados confidenciais de sua metodologia de apuração de audiência, principalmente a chamada “real time” (tempo real), segundo o “Notícias da TV”.

Relembre
- Silvio Santos tenta tirar selfie mas grava vídeo sem querer 
- "Quando eu falo em sexo, choro de saudades!", diz Silvio Santos

O processo foi declarado “transitado em julgado”, ou seja, não cabem mais recursos. A emissora de Silvio Santos, por sua vez, aguarda o cumprimento da ordem.

Como tudo começou

A briga começou em 2001, depois de o SBT questionar a verificação de audiência minuto a minuto. Em 12 de agosto, o canal foi punido pelo Ibope e ficou com o serviço suspenso por 24 horas.

Na ocasião, o instituto argumentou que a turma da Anhanguera havia violado as regras de divulgação de números. A rede se sentiu lesada e entrou na Justiça contra a organização.
 
 
Veja também