BELEZA

Conheço o melhor tipo de depilação para a sua pele

As técnicas tradicionais dividem o mercado com opções mais duradouras
04/03/2015 | - Atualizado em 04/03/2015 - 20h38 Divulgação
faleconoscorac@rac.com.br
Foto: Divulgação
Mercado tem vários métodos de depilação disponíveis para os clientes
Mercado tem vários métodos de depilação disponíveis para os clientes
Em meio a tantas opções no mercado, fica difícil escolher o método mais apropriado de depilação. A escolha, no entanto, deve ser feita com cuidado: há diferenças significativas entre cada modo de se retirar os pelos, além de indicações para cada tipo de pele ou de necessidade.
 
A especialista em Luz Intensa Pulsada (IPL), Camila Torlai, comparou os principais métodos depilatórios e fala sobre os seus prós e contras:
 
 
FOTODEPILAÇÃO

Como funciona - O tratamento feito por Luz Intensa Pulsada (IPL) é um método de depilação eficiente e indolor, que consiste na emissão de ondas de luz que atingem a segunda camada da pele, que é a derme, onde estão os folículos pilosos e as células germinativas que ficam ao seu redor. O calor da luz age destruindo o folículo e os vasos que o nutrem, promovendo um tratamento duradouro, que necessita apenas de manutenções esporádicas.

Tempo de duração e tratamento - É necessário em média 8 sessões para finalizar o tratamento, dependendo da fisiologia de cada um. No entanto, é possível ver a diferença logo na primeira sessão.

Manutenção - Após finalizado todas as sessões, é necessário apenas 1 a 2 manutenções por ano.

Riscos - É uma tecnologia que não agride a  pele, podendo gerar efeitos colaterais apenas em clientes que não seguem nossas recomendações.

Dor - Totalmente Indolor.

Precauções - A pele não pode estar bronzeada e deverá ser muito hidratada durante todo o tratamento.

DEPILAÇÃO A LASER

Como funciona - O laser age na derme, que é a segunda camada da pele, onde estão os folículos pilosos e as células germinativas que ficam ao seu redor. O calor do laser age destruindo o folículo, o que promove um tratamento duradouro.

Tempo de duração e tratamento - É necessário em média 8 sessões para finalizar o tratamento, dependendo da fisiologia de cada um.

Manutenção - Após finalizada todas as sessões, é necessário apenas 1 a 2 manutenções por ano.

Riscos - Podem ocorrer manchas, dor, vermelhidão, irritação, coceira e formação de pequenas feridas na pele, gerando até queimaduras.

Dor - Sensação de fisgada, queimação e dor.

Precauções - A pele não pode estar bronzeada e deverá ser muito hidratada durante todo o tratamento.

DEPILAÇÃO COM CERA

Como funciona - Aplicação da cera, quente ou fria, diretamente na pele. Remove os pelos somente pela raiz, não eliminando as células germativas. Há diversos tipos de ceras e métodos de aplicação.

Tempo de duração e tratamento - Apenas alguns minutos.

Manutenção - Após 25 dias os pelos voltam a aparecer.

Riscos - Manchas, escurecimento da pele e encravamento dos pelos.

Dor - É o método mais doloroso de depilação, sendo que a aplicação de cera quente dói um pouco menos que a fria.

Precauções - Evitar exposição ao sol 48 horas antes e 78 horas após a depilação.

DEPILAÇÃO COM LÂMINA

Como funciona - É preciso molhar a pele com água morna por 2 a 3 minutos para hidratar os pelos. Em seguida, aplique um gel para depilação ou sabonete, que ajuda a manter a umidade da pele. Depois é só passar uma lâmina nova para eliminar os pelos.

Tempo de duração e tratamento - Apenas alguns minutos.

Manutenção - Após 2 dias os pelos voltam a aparecer.

Riscos - Pode causar alergias na pele e o encravamento de pelos.

Dor - Indolor.

Precauções - A pele não pode estar seca e é preciso limitar da lâmina em cinco vezes para não causar infecção.
 
Veja também