PIMENTINHA
7 Motivos para amar Elis Regina
Homenageada no samba enredo da Vai-Vai, Elis ajuda a garantir o primeiro lugar da escola em 2015
18/02/2015 | - Atualizado em 18/02/2015 - 11h18 Fernanda Bugallo
fernanda.bugallo@rac.com.br
A magnitude, sutileza e presença de Elis Regina marcam gerações e gerações e sobrevive ao tempo com extrema maestria.
 
Pimentinha, como era conhecida e apelido dado por Vinícius de Moraes, foi homenageada pela escola de samba de São Paulo Vai-Vai e venceu de virada o carnaval de 2015 por conta do quesito evolução. 
 
Como tantos artistas, Elis surgiu dos festivais de década de 60 e seu estilo era altamente influenciado pelos cantores do rádio, especialmente Ângela Maria. 
 
Aventureira por essência, Elis passou pela MPB, bossa nova, samba, o rock e pelo jazz. Interpretou canções como "Madalena", "Como Nossos Pais", "O Bêbado e a Equilibrista", "Querelas do Brasil", que ainda continuam famosas e memoráveis.
 
Ia da melancolia à felicidade em uma mesma música. Autêntica, Elis é um marco na história da MPB e do Brasil. Um ícone para ser homenageado, revisitado e contemplado por todos os brasileiros.
 
"Simplesmente Elis - A Fábula de Uma Voz na Transversal do Tempo" foi o tema escolhido pela escola de samba Vai-Vai e que lhe garantiu o prêmio da melhor em 2015.
 
1 - Pequena no tamanho e um "monstro" no palco. Presença incomensurável.
 
 
2 - Hino da luta pela anistia geral na voz de Elis
 
 
3 - Elis falava de amor como ninguém...
 
 
 
 
4- E sofria de amor também...
 
 
 
5- E foi ela quem levantou a afirmação: O Brasil não conhece o Brasil...
 
 
 
6 - Vontade pela vida admirada por muitos artistas e fãs
 
 
 
7 -  Elis falou por todas as Marias e Mulheres do Brasil