PESAMES
Um ano e dez meses após a morte de Chorão, morre a irmã do cantor
A notícia da morte de Tânia Abrão foi dada ontem, pela apresentadora Sônia Abrão
25/01/2015 | - Atualizado em 25/01/2015 - 11h24 Portal RAC
faleconoscorac@rac.com.br




Foto: Reprodução/Instagram.
Na imagem, Chorão e a irmã Tânia Wilma Abrão, os dois mortos
Na imagem, Chorão e a irmã Tânia Wilma Abrão, os dois mortos
A família do cantor Chorão está de luto novamente. Apenas um ano e dez meses após a morte do ex-vocalista do Charlie Brown Jr., sua irmã, Tânia Wilma Abrão, morreu.

A notícia foi dada ontem (24) pela apresentadora Sônia Abrão, que era prima dos dois. Sônia escreveu em seu perfil do Instragram: “Minha prima Tânia se foi...Vai ficar pra sempre ao lado do Chorão, o irmão tão amado! É dor demais para uma família!!!” Depois ainda publicou: "Tô tentando cair na real de que agora só ficou a foto!!" Tânia teria morrido em decorrência de um AVC.

Chorão foi encontrado morto em seu apartamento na madrugada de 6 de março de 2013, por seu motorista. Ele tinha 42 anos e, segundo o lado da Polícia Técnico-Científica, sofreu overdose de cocaína. Sua ex-mulher, a estilista Graziela Gonçalves, disse na época que perdeu o marido para as drogas e por isso teria se separado.
Veja também