SAÚDE

Verão aumenta consumo de saladas

Os restaurantes também adaptam seus cardápios nesta época do ano oferecendo diferentes tipos de folhas
21/01/2015 | - Atualizado em 21/01/2015 - 17h39 Portal RAC
faleconoscorac@rac.com.br
Foto: Divulgação
A ingestão de saladas é parte importante na refeição
A ingestão de saladas é parte importante na refeição
As altas temperaturas do verão contribuem para que as pessoas façam refeições mais leves com muita salada e legumes. Para atender o público que se alimenta fora de casa, os restaurantes também adaptam seus cardápios nesta época do ano oferecendo diferentes tipos de folhas.

De acordo com Edison Mauricio da Silveira, sócio do restaurante paulistano 'Moça Prendada', no calor as pessoas optam por pratos frios. “Durante o verão temos que repor o buffet de saladas a todo instante, pois o consumo das folhas aumenta em até 30%”, explica.

Porém, mais do que oferecer variedade, os estabelecimentos precisam estar atentos à qualidade destes alimentos. “As folhas e cascas de legumes podem conter bactérias causadoras de gastroenterites, que provocam vômito, diarreia, formação de gases, enjoo e dor de cabeça”, ressalta Adriana Coppola, farmacêutica da Saggio do Brasil.

Segundo Coppola, mesmo que as folhas pareçam saudáveis o ideal é que sejam desinfetadas e não somente lavadas. “Bactérias são invisíveis a olho nu, por isso, temos que conhecer bem o local que nos alimentamos”, complementa.

A Farmacêutica explica ainda que uma maneira segura de desinfetar as verduras e legumes é utilizando bactericidas atestados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que eliminam 100% das bactérias. “O importante é que sejam seguidas as instruções de uso, que normalmente vêm estampadas no verso da embalagem”.
 
Veja também