SAÚDE BUCAL

Homens que bebem café podem ter risco de periodontite reduzido

Nova pesquisa identifica que o consumo da bebida pode proteger contra a perda óssea periodontal
17/11/2014 | - Atualizado em 17/11/2014 - 18h43 Divulgação
faleconoscorac@rac.com.br
Em um estudo com mais de mil homens, pesquisadores concluíram que não há evidência de que o consumo de café seja prejudicial à saúde periodontal. No entanto, eles descobriram que os homens que consumiam mais café tinham menos dentes afetados por perda óssea periodontal que os participantes que bebiam menos café.

Para determinar se antioxidantes ou outros componentes anti-inflamatórios do café podem beneficiar a saúde oral, cientistas da Universidade de Boston estudaram os dados de saúde de 1152 homens que foram originalmente inscritos no estudo odontológico longitudinal do Departamento de Assuntos de Veteranos (Department of Veterans Affairs). Este estudo prospectivo, que foi conduzido entre 1968 e 1998, foi planejado para avaliar a saúde oral de homens saudáveis, brancos, entre 26 e 84 anos de idade. Os participantes passaram por avaliações odontológicas a cada 3 anos durante o estudo.

“Concluímos que o consumo de café não tem qualquer efeito adverso na saúde periodontal e pode ainda ter efeitos protetores contra a doença periodontal”, disse o autor principal, Nathan NG, da Escola de Odontologia.

Baseados nas informações dadas pelos próprios participantes acerca do consumo de café os pesquisadores observaram que o maior consumo da bebida está associado com uma pequena, porém significativa, redução no número de dentes com perda óssea por periodontite.

O estudo intitulado “Consumo de café e a doença de periodontite em homens” (Coffee Consumption and Periodontal Disease in Males) foi publicado na edição de agosto do Journal of Periodontology.
 
Fonte: Dental Tribune - Brasil
 
Veja também



VEJA TAMBÉM