EMMY
Brasil recebe 5 indicações ao Emmy Internacional
Um dos maiores prêmios da TV terá evento no final de novembro
13/10/2014 | - Atualizado em 15/10/2014 - 15h00 Divulgação
faleconoscorac@rac.com.br
Foto: Divulgação.
Emmy Internacional divulga indicados
Emmy Internacional divulga indicados
 
A lista dos indicados ao Emmy Internacional foi divulgada nesta segunda (13) pela Academia de Televisão Americana. O Brasil entra na disputa em diversas categorias, com a série “A Mulher do Prefeito” (Globo), o telefilme “Alexandre e Outros Heróis” (Globo), a novela “Jóia Rara” (Globo), o documentário “De Volta” (Canal Futura) e o reality show “O Infiltrado” (History Channel).
 
O evento acontece no dia 24 de novembro e não será televisionado. Além disso, a festa terá a escolha dos melhores do ano e prestará duas homenagens: para o americano Matthew Weiner, criador da série “Mad Men”, que receberá o Emmy Founders Awards, e para o brasileiro Roberto Irineu Marinho, presidente das organizações Globo, que receberá o Emmy Directorate Award.

Os favoritos aos prêmios são produções britânicas, como “Broadchurch”, que ganhou remake americano intitulado “Graceland”, “The Tunnel”, também refilmada nos EUA como “The Bridge”, e “Utopia”, que terá seu remake americano dirigido pelo cineasta David Fincher (“Garota Exemplar”), além do telefilme “An Adventure in Space and Time”, que conta a história da série “Doctor Who”. Confira abaixo os indicados ao prêmio
 
Confira os indicados ao prêmio Emmy Internacional 2014:

Melhor Série de Drama
“Prófugos” (Chile)
“The Tunnel” (Reino Unido/França)
“Utopia” (Reino Unido)
“Yae’s Sakura” (Japão)

Melhor Série de Comédia
“Please Like Me” (Austrália)
“Late Nite News with Loyiso Gola” (África do Sul)
“A Mulher do Prefeito” (Brasil)
“Wat als 2?” (Bélgica)

Melhor Telefilme ou Minissérie
“Alexandre e Outros Heróis” (Brasil)
“An Adventure in Space and Time” (Reino Unido)
“Radio” (Japão)
“Unsere Mütter, Unsere Väter/Generation War” (Alemanha)

Melhor Ator
Stephen Dillane, por “The Tunnel” (Reino Unido/França)
Claude Legault, por “19-2″ (Canadá)
Pablo Rago, por “Televisión por la inclusión” (Argentina)
Xiubo Wu, por “The Orphan of Zhao” (China)

Melhor Atriz
Tuba Büyüküstün, por “20 Dakika” (Turquia)
Olivia Colman, por “Broadchurch” (Reino Unido)
Romina Gaetani, por “Televisión por la inclusión” (Argentina)
Bianca Krijgsman, por “De Nieuwe Wereld/The New World” (Holanda)

Melhor Documentário
“De Volta” (Brasil)
“Frihet Bakom Galler/No Burqas Behind Bars” (Suécia)
“No Fire Zone: The Killing Fields of Sri Lanka” (Reino Unido)
“Phantoms of the Border” (Coréia do Sul)

Melhor Reality Show
“Educating Yorkshire” (Reino Unido)
“Master Chef China” (China)
“Missie Mosango” (Bélgica)
“O Infiltrado” (Brasil)

Melhor Telenovela
“30 Lives: Maxim Bouchard” (Canadá)
“Belmonte” (Portugal)
“My Husband’s Lover” (Filipinas)
“Jóia Rara” (Brasil)
 
Veja também