SAÚDE DO HOMEM

Tire as suas dúvidas sobre a andropausa

Saiba o que é, os sintomas e quais os tratamentos para a andropausa
20/08/2014 | - Atualizado em 15/08/2014 - 18h24 Divulgação
faleconoscorac@rac.com.br
Foto: Divulgação
Consulte seu médico
Consulte seu médico
O que é

O Declínio Androgênico do Envelhecimento Masculino (DAEM), popularmente conhecido como andropausa, é uma redução gradual dos níveis sanguíneos da testosterona que acompanha o envelhecimento e que pode estar associado a uma significante diminuição da qualidade de vida dos homens. A prevalência deste distúrbio varia de 10 a 30% dos homens já na sexta década de vida. Com o aumento da expectativa de vida, o problema tornou-se mais prevalente.
Sintomas

-Diminuição do desejo sexual, da qualidade e frequência das ereções, principalmente noturnas;
-Alterações de humor, com fadiga, depressão e irritabilidade;
-Distúrbios do sono;
-Diminuição da massa magra, volume e força muscular;
-Aumento da gordura visceral (localizada na região profunda do abdômen, conhecida como “barriga de cerveja”);
-Alterações na pele e perda de pelos;
-Osteopenia e osteoporose, elevando o risco de fraturas ósseas.

Tratamento

Além de observar as alterações descritas acima, o médico solicitará alguns exames laboratoriais para confirmar o diagnóstico de DAEM. O tratamento é feito com a reposição de testosterona, que hoje está disponível em forma de comprimido, injetável e transdérmica (adesivos aplicados à pele). A terapia de reposição hormonal é contraindicada em casos de cânceres de próstata e mama ativos. Outras patologias devem ser observadas pelo urologista antes da prescrição hormonal, e o acompanhamento contínuo do paciente em tratamento é essencial.
 
Fonte: Sociedade Brasileira de Urologia
 
Veja também