Bebê de Adele ganha processo contra paparazzis -


JUSTIÇA
Bebê de Adele ganha processo contra paparazzis
23/07/2014 | - Atualizado em 30/07/2014 - 11h19 Portal RAC
faleconoscorac@rac.com.br
Foto: Divulgação.
Adele processou uma agência de fotografia britânica
Adele processou uma agência de fotografia britânica
 
Angelo tem só um ano, mas já acumulou a primeira vitória na Justiça inglesa. A cantora Adele e seu marido, Simon Konecki, venceram um processo, em nome do filho, contra uma agência britânica que fotografou e vendeu imagens do pequeno. Quanto ao valor a ser pago, só se sabe que será depositada uma quantia de cinco dígitos, o que pode variar de 10 mil a 99.999 mil libras esterlinas. As informações são do site da revista 'Monet'.

“Tem sido motivo de profunda tristeza que muitos dos momentos marcantes dele (Angelo), como o primeiro passeio com a família em público e a primeira ida ao maternal, tenham sido fotografados e publicados mundo afora contra a vontade expressa dos pais dele", afirmou a advogada Jenny Afia.

De acordo com a representante legal, a agência de fotografia vai pagar os custos processuais e não irá mais reproduzir as fotos do garoto.
 
Veja também