NOVO DEPARTAMENTO

Campinas ganha departamento especializado em proteção animal

Com a reestruturação da Secretaria do Verde e Desenvolvimento Sustentável, nova seção é criada
12/03/2013 | - Atualizado em 19/12/2013 - 20h11
Foto: Divulgação
Novo departamento é criado para a Proteção a Animais
Novo departamento é criado para a Proteção a Animais
Com a aprovação do Projeto de Lei Complementar do Executivo, a Secretaria do Verde e do Desenvolvimento Sustentável de Campinas passa por uma reestruturação, sendo criados três departamentos. Um deles terá como responsabilidade os animais. Segundo dados da própria secretaria, Campinas tem atualmente cerca de 15 mil animais vivendo nas ruas da cidade. 150 mil foram adotados e vivem em casas e apartamentos. As preocupações são o abandono e os maus-tratos. O secretário da pasta, Rogério Menezes, explica que com o departamento de proteção e Bem-Estar Animal o poder público entra nos problemas com as possibilidades de criações de políticas públicas. Ele lista, por exemplo, a castração e a microchipagem de animais.

Com o departamento, a função da Zoonose será apenas nas questões de doenças transmitidas de animais para pessoas. Assim, a secretaria assume a responsabilidade de proteção animal, e centro de Zoonose, de proteção do ser humano.

Além das políticas públicas, o secretário Rogério Menezes, reforça que o departamento será ainda um canal de denúncias.

Com a reestruturação da Secretaria do Verde e Desenvolvimento Sustentável, além do departamento de Proteção e Bem-Estar Animal, será criando a área de Licenciamento Ambiental e do Verde e do Desenvolvimento Sustentável.

Fonte: CBN Campinas


Comente
Nome:      E-mail:  
Cidade:      Profissão:  
Informe o resultado do cálculo abaixo:
 
   Não divulgar meu email
Comentário:
Quantidade de toques disponíveis: 500


Comentários
  • Em 15/03 as 15h25 por:Eliana Pietrobom
    Parabéns a Prefeitura de Campinas pela iniciativa. Gostaria de sugerir inclusão de uma equipe e estrutura para resgate de animais, semelhante ao projeto dos Estados Unidos, onde os policiais resgatam, levam para o veterinário e multam o proprietário pelo abandono e maus tratos do animal. Sugiro isso, por recentemente ter vivenciado uma experiência num resgate de um filhote de gato, cuja ajuda tive que recorrer a ajuda dos bombeiros, que por sorte vieram nos ajudar.